Presidente da FKBERJ analisa título do Rio no quadro geral de medalhas do Brasileiro de Kickboxing

Publicidade

Com 290 medalhas no total, sendo 105 de ouro, 71 de prata e 114 de bronze, o Rio de Janeiro, cidade sede do Campeonato Brasileiro de Kickboxing adulto e Sub-17 deste ano, foi campeão geral no quadro de medalhas. Além disso, o estado fluminense também segue firme na liderança nacional e no número de títulos conquistados na história do evento. São Paulo, com 152 medalhas no total, e Paraná fecharam o pódio.

O estado paranaense, por sinal, cada vez mais se firma como uma das principais potências nacionais da modalidade. Já o Espírito Santo, que voltou a crescer em grandes eventos, ficou em quarto lugar no geral.

O presidente da FKBERJ (Federação de Kickboxing do Estado do Rio de Janeiro), Capitulino Gomes, comentou sobre o retorno do Brasileiro de Kickboxing ao Rio de Janeiro: “Agradeço a ENEL e ao Governo do Estado, através da SEELJE, que foram responsáveis por toda a fantástica estrutura entregue pela FKBERJ para que o evento fosse realizado em nosso estado. Nesta edição histórica, onde o Rio de Janeiro, depois de 15 anos, voltou a sediar um Campeonato Brasileiro, cumprimos nosso compromisso com a apresentação dos Atletas PCD (Pessoa com Deficiência), que foi um momento muito emocionante, entre outras realizações. E, de modo especial, agradeço a todos os diretores e professores de Kickboxing que, com seus atletas, verdadeiros guerreiros, alcançaram o primeiro lugar do pódio para nosso estado”, comentou o dirigente.

Todos os campeões brasileiros terão direito a transporte interno, hospedagem em hotel  e alimentação durante o 12º Campeonato Sul-americano de Kickboxing. O torneio será em Cascavel de 8 a 12 de dezembro.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img