Jiri Prochazka diz que Poatan não é um ‘bom artista marcial’ e garante: ‘Sou melhor que ele’

Prestes a disputar cinturão meio-pesado contra Alex Poatan, Jiri Prochazka afirma que se vê "mais completo" no MMA em relação ao brasileiro

Jiri Prochazka diz que Poatan não é um ‘bom artista marcial’ e garante: ‘Sou melhor que ele’

Prestes a enfrentar Alex Poatan, Jiri Prochazka afirmou que não considera o brasileiro um "bom artista marcial" (Foto: Reprodução)

Marcado para acontecer no dia 11 de novembro, em Nova York (EUA), o UFC 295 terá como uma das suas principais atrações o duelo entre Alex Poatan e Jiri Prochazka, que vão disputar o cinturão meio-pesado da organização, que no momento está vago. Apesar de ter um currículo vitorioso, sendo multicampeão no Kickboxing e ex-campeão peso-médio do Ultimate, o brasileiro é visto com uma certa “indiferença” por parte do seu adversário.

Em entrevista ao canal “Shak MMA” no YouTube, Prochazka, que já foi campeão do UFC nos meio-pesados, afirmou que não considera Poatan um “bom artista marcial” e, ao analisar o combate que fará contra o brasileiro, explicou os motivos para ter tal opinião formada.

“Para mim é uma linda história e um grande desafio. Tenho que dizer, Alex (Poatan) não é um bom artista marcial, no chão ou no Wrestling, mas uma coisa que ele pode e sabe fazer é a trocação. Vai ser um prazer competir com ele em pé. Ele é bom em pé, mas não é bom no Wrestling e em tudo mais. Ele é muito focado na trocação. Ele é muito bom nisso, mas nas outras coisas não é bom. Eu também não sou um wrestler tão bom para falar isso, mas acho que sou melhor que ele. Essa é minha opinião”, disse o lutador tcheco.

Ex-campeão peso-médio, Alex Poatan, atualmente com 36 anos, é também ex-campeão duplo do GLORY Kickboxing (peso-médio e meio-pesado). O paulista acumula agora no MMA profissional oito vitórias e duas derrotas. Em sua última apresentação, o brasileiro venceu Jan Blachowicz por decisão unânime dos jurados, em julho, no UFC 291.

Já Prochazka tem 30 anos e em sua carreira no MMA profissional fez 33 lutas, com 29 vitórias, três derrotas e um empate. O tcheco está invicto desde 2015 e acumula 13 triunfos seguidos – sendo uma finalização e 11 nocautes. Durante esse período, foi campeão meio-pesado do evento japonês Rizin FF e, em sua última luta, em 2022, tornou-se campeão do UFC ao superar o brasileiro Glover Teixeira. O tcheco, no entanto, não conseguiu defender seu cinturão, tendo em vista que sofreu uma grave lesão em seu ombro e optou por abrir mão do título.

jiri prochazka alex poatan ufc 295

Disputa de cinturão meio-pesado entre Jiri Prochazka e Alex Poatan foi confirmada para o card do UFC 295, em novembro (Foto: Reprodução)

Para conferir mais notícias sobre Alex Poatan e Jiri Prochazka, clique aqui