Renato Moicano revela lições da última luta e faz balanço do seu início na categoria peso-leve do UFC: ‘Estou me sentindo mais adaptado’

Publicidade

* Prestes a ter sua próxima luta anunciada pelo Ultimate, Renato Moicano iniciou em 2020 sua trajetória na categoria peso leve. Em março do ano passado, no UFC Brasília, ele precisou de apenas 44 segundos para finalizar Damir Hadzovic. No entanto, oito meses depois, em ação no UFC 256, acabou sendo nocauteado por Rafael Fiziev ainda no round inicial, conhecendo a sua primeira derrota lutando na divisão até 70kg.

O revés foi importante para o brasileiro tirar lições e aprendizados visando os seus próximos desafios na organização. Em entrevista à TATAME, Moicano relembrou o resultado negativo diante de Fiziev e ressaltou que pretende ficar mais “ligado” quando for enfrentar atletas que são especialistas na luta em pé.

“Eu estava bem preparado para aquela luta. O que eu fiz de errado foi arriscar na estratégia de ficar muito em pé com ele, um cara conhecido por ser striker, da trocação. Eu joguei o primeiro round todo na distância dele e ele me pegou no finalzinho. Eu estava muito confortável, me sentindo muito confiante. Preciso ficar mais arisco quando for lutar com um cara tão perigoso na luta em pé, como o Fiziev. Mas mérito total para ele, que esperou o momento certo e venceu a luta”, reconheceu o atleta de 31 anos, que analisou o começo nos leves e não descartou a possibilidade de voltar ao peso pena em algum momento da sua carreira.

“Estou me sentindo adaptado ao peso leve. É uma categoria mais difícil, mas também é complicado baixar o peso para 66kg (peso-pena). Eu não desconsidero totalmente voltar aos penas, depende das lutas que o UFC oferecer. Mas, por enquanto, não posso ficar alternando de categoria, preciso voltar a vencer no peso leve e, depois, ver qual é o próximo passo dependendo das lutas que aparecerem pra mim. Mas o objetivo sempre é me apresentar da melhor maneira possível em cada uma dessas categorias”, completou o brasileiro.

Em meio à rotina de treinos na American Top Team, Moicano, desde o ano passado, adquiriu outro hábito. O brasiliense entrou na onda das lives (transmissões ao vivo) e vem fazendo sucesso na Twitch, onde está realizando entrevistas com outros lutadores e personalidades do mundo da luta, além de lives de jogos. Feliz com o resultado até agora, o lutador falou sobre como surgiu a ideia de fazer vídeos na plataforma.

“Logo após a minha última luta, uns amigos da Flórida (EUA) me chamaram para fazer uma live na Twitch e eu acabei conhecendo a plataforma. Achei muito legal e percebi que ainda tem poucos conteúdos sobre MMA por lá, então comecei a fazer umas lives e está sendo uma experiência muito legal. Então, para a galera que curte luta, curte videogame e entrevistas, estarei sempre fazendo lives no ‘Renato Moicano MMA’ na Twitch. A intenção é sempre compartilhar mais conhecimento, o grande objetivo é esse”, concluiu Renato.

* Por Mateus Machado

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img