Servio Tulio destaca ‘melhor camp da vida’ antes do ADCC 2019 e quer surpreender: ‘É o maior desafio da minha carreira’

Publicidade

* Figura constante em pódios da IBJJF e de outras organizações, o mineiro Servio Tulio terá o maior desafio da sua carreira neste fim de semana (28 e 29), no ADCC 2019, que acontece em Anaheim, na Califórnia (EUA). Ainda carente de um grande título na faixa-preta, Servio vê o torneio de grappling como o momento perfeito de mudar sua carreira, e conversou com a TATAME a respeito.

“Com certeza esse é o maior desafio da minha carreira e também o que eu mais me preparei para encarar. Mal posso esperar, Deus sabe das coisas e tomara que seja a minha vez de brilhar! Ser campeão do ADCC não é para qualquer um. Quero me juntar a esse seleto grupo de campeões e escrever meu nome na história. Ganhar a seletiva no Brasil foi um grande passo, mas agora é ganhar o evento principal”, afirmou o pupilo de Rômulo Barral e Felipe Preguiça, que treina na sede da Gracie Barra de Belo Horizonte (MG).

Servio vai entrar em ação na acirrada divisão até 77kg, onde estreia contra o duro Vagner Rocha e pode ter nomes como Lucas Lepri, Renato Canuto, Garry Tonon, JT Torres e mais feras pela frente na disputa.

“Estou muito feliz e empolgado de lutar esse ADCC. Foi o melhor camp da minha vida, bati o peso comendo super bem e em forma, então agora é só esperar a hora e fazer valer todo meu esforço. Vou com tudo”.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Thanks @devil_town @flograppling for the sick video!! ADCC DEBUT ??? Ready for war !! VAMOOOOOOO #adcc

Uma publicação compartilhada por Servio Tulio Junqueira (@serviotuliost) em

Para surpreender e brilhar no maior torneio de luta agarrada do mundo, o mineiro aposta na parte física e na técnica, muito bem preparada sob a tutela dos multicampeões Felipe Preguiça e Rômulo Barral.

“Sem palavras para o Rominho e Felipe, eles são fora de série. Dessa vez convivi muito com Rominho, até porque o Felipe está muito focado para a luta dele (contra o André Galvão), e o Barral trocou a paixão de lutar pela paixão de ser coach. Aproveitei essa nova fase dele (risos). O Preguiça é meu mestre e está sempre me lapidando, né? Muita sorte a minha! O Titi, professor do Rominho, me ajudou muito também, assim como a galera do MMA, meus preparadores físicos Formiga e Pepeu, além do meu médico, sempre disponível 24h, ou Dr. Felipe Pereira. Queria agradecer aos meus patrocinadores, a galera da FP Team que está voando e a galera da GB sob o comando do Caloquinha. Todo mundo fez o máximo por mim”, prometeu Servio, que ainda apostou em Preguiça na superluta do ADCC 2019, contra André Galvão.

“O Felipe é o Felipe. Com certeza vai ser um ‘lutão’. Ele se preparou de todas as maneiras, é um fenômeno, muito completo, e do outro lado o Galvão é o cara a ser batido, né? Vamos torcer muito! Acredito em uma luta bem disputada, mas o Felipe ganha. Vou estar gritando muito pelo meu mestre”, encerrou.

* Por Diogo Santarém

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img