St-Pierre afirma que Bisping está com ‘medo da luta agarrada’ e diz: ‘Vou usar todas as minhas armas’

St-Pierre afirma que Bisping está com ‘medo da luta agarrada’ e diz: ‘Vou usar todas as minhas armas’

Plano do UFC é ter St-Pierre disputando o cinturão em novembro, contra Woodley ou Demian (Foto Getty Images)

O retorno de Georges St-Pierre ao MMA vai acontecer no próximo dia 4 de novembro, no Madison Square Garden, em Nova York (EUA), pelo UFC 217. O canadense vai encarar Michael Bisping, campeão dos médios, na luta principal do evento. As provocações entre ambos já começaram, e em entrevista ao site MMA Fighting, GSP afirmou que “The Count” está “aterrorizado” com a possibilidade de a luta entre eles se desenvolver no chão.

“Ele está sempre batendo na mesma tecla. Ele está com medo que eu use meu Wrestling. Aterrorizado. Em todas as entrevistas que ele dá, implora para que eu lute em pé. O que quero dizer é: se você não sabe chão, não deveria estar no MMA, e sim no Kickboxing. Lutar no solo é parte do jogo, e ele está aterrorizado. Vou usar todas as minhas armas”.

Vale lembrar que St-Pierre não luta desde novembro de 2013, quando ainda era campeão dos meio-médios. A partir de então, “Rush” abriu mão do título e decidiu dar uma pausa na carreira. Já Bisping conquistou o cinturão dos médios no UFC 199, em junho de 2016, e defendeu apenas uma vez, contra Dan Henderson, no UFC 204, quatro meses depois.