UFC planeja retorno de Nick Diaz contra Lawler; Amanda Ribas pega Virna e Carlos Boi encara Arlovski

Publicidade

Sem lutar profissionalmente desde 2015, quando enfrentou Anderson Silva no UFC 183, Nick Diaz pode estar próximo do seu retorno. Na última quarta-feira (7), o presidente do Ultimate, Dana White, contou que planeja colocar o americano em ação contra Robbie Lawler na luta co-principal do UFC 266, que está marcado para acontecer no dia 25 de setembro, em Las Vegas (EUA). O main event terá o confronto entre Alexander Volkanovski e Brian Ortega pelo cinturão peso-pena.

Caso o embate realmente se concretize, será o segundo encontro entre os dois lutadores, que já se enfrentaram em 2004, no UFC 47. Na ocasião, Diaz saiu vencedor por nocaute técnico no segundo round. Atualmente com 37 anos, Nick Diaz tem um cartel de 26 vitórias e nove derrotas e, antes da luta contra Anderson Silva, já vinha de reveses contra Georges St-Pierre e Carlos Condit. Seu último resultado positivo aconteceu em 2011, contra BJ Penn, no UFC 137. Dois anos mais velho, Robbie Lawler (28-15) também vive fase delicada no UFC. O ex-campeão meio-médio vem de quatro derrotas consecutivas, para Rafael dos Anjos, Ben Askren, Colby Covington, e mais recentemente, em agosto do ano passado, para Neil Magny.

Amanda Ribas encara Virna Jandiroba no UFC 267

Um duelo entre brasileiras vai abrilhantar o UFC 267, agendado para ocorrer no dia 30 de outubro, na Ilha da Luta, em Abu Dhabi (EAU). 11ª colocada no ranking peso-palha da organização, Amanda Ribas vai medir forças contra Virna Jandiroba, 13ª na lista entre as melhores da categoria. A informação foi divulgada na última quarta-feira pelo site “Combate”.

Com 27 anos, Amanda (10-2) estava invicta no UFC, com vitórias sobre Emily Whitmire, Mackenzie Dern, Randa Markos e Paige VanZant, mas em sua última apresentação, em janeiro, contra Marina Rodriguez, acabou sendo nocauteada no segundo round. Por outro lado, Virna, que vinha de revés para Mackenzie em dezembro do ano passado, se recuperou e, em junho, superou a japonesa Kanako Murata por nocaute técnico no segundo assalto.

Carlos Boi enfrenta Andrei Arlovski em outubro

Vivendo boa fase em sua carreira, Carlos Boi foi recompensado pelo Ultimate. Após muito pedir através de suas redes sociais, o brasileiro teve seu desejo atendido e vai enfrentar o experiente e ex-campeão Andrei Arlovski no dia 16 de outubro, em luta válida pela divisão dos pesados. O combate, confirmado inicialmente pelo “Canal Encarada”, ainda não tem local confirmado.

Com 26 anos e um cartel de 11 vitórias e apenas uma derrota em sua carreira, Carlos Boi vem embalado por três triunfos em sequência no UFC, o último deles em junho, quando venceu Jake Collier por decisão dividida dos jurados no UFC 263. 16 anos mais velho em relação ao baiano, Andrei Arlovski (31-20) vem de um retrospecto com três resultados positivos e um revés em suas últimas quatro lutas na companhia. O bielorrusso entrou em ação pela última vez em abril, derrotando Chase Sherman na decisão unânime.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade