Anderson Silva abre o jogo sobre armlock de Vitor Belfort em Jon Jones; relembre e opine

Em entrevista, Anderson Silva relembra duelo entre Vitor Belfort e Jon Jones e dá sua opinião sobre armlock que o brasileiro aplicou no americano durante a luta

Anderson Silva abre o jogo sobre armlock de Vitor Belfort em Jon Jones; relembre e opine

Vitor Belfort deu sua versão sobre o fato de ter soltado a finalização que estava encaixada contra Jon Jones (Foto: Reprodução)

Ao longo da sua trajetória no MMA, Anderson Silva construiu algumas rivalidades, e uma delas foi com Vitor Belfort. As duas lendas se enfrentaram em disputa de cinturão peso-médio que aconteceu no ano de 2011, no card do UFC 126, e em duelo que ficou conhecido por dar início ao “boom” das artes marciais mistas no Brasil, o “Spider” derrotou o “Fenômeno” com um nocaute antológico e histórico no primeiro round, mantendo o cinturão dos médios em sua posse na ocasião.

Desde então, Anderson Silva e Vitor Belfort nunca mais se enfrentaram, apesar de muitos pedidos dos fãs ao longo dos anos. Em participação recente no “Ticaracaticast”, no entanto, o ex-campeão peso-médio do UFC aproveitou para relembrar um outro duelo de Belfort, mais especificamente a disputa de cinturão meio-pesado que o carioca protagonizou contra Jon Jones, em 2012, na luta principal do UFC 152.

Na ocasião, Vitor Belfort acabou sendo finalizado por “Bones” no quarto round. Todavia, no combate em questão, o “Fenômeno” quase surpreendeu a todos. Ainda no primeiro round, o brasileiro pegou o braço do americano e encaixou um justo armlock. Jones, então, se levantou e, depois de alguns segundos, defendeu o golpe, dando continuidade ao confronto.

Depois da luta, no entanto, Belfort admitiu que “afrouxou” a posição do armlock após ouvir um “estalo” no braço de “Bones”, que por sua vez, apareceu na entrevista pós-luta com uma tipoia no membro lesionado. Na opinião de Anderson Silva, assim como a de muitos fãs de MMA, o carioca só soltou a posição e não finalizou Jon Jones com receio de quebrar o braço do adversário.

“Eu não sei se (o Jon Jones) escapou (da posição). Eu acho que o Vitor não quis quebrar (o braço de Jon Jones). Eu tenho certeza. Imagina o Vitor atacar um braço ali e não pegar? Não existe, não tem como”, afirmou Anderson Silva.

Para mais notícias sobre Anderson Silva e Vitor Belfort, clique aqui