Com equipe completa, Brasil disputa Grand Slam de Judô em Dusseldorf a partir desta sexta (22); saiba mais

Publicidade

Os principais judocas do Brasil estarão no tatame a partir desta sexta-feira (22) para representar o país no Grand Slam de Dusseldorf, na Alemanha, que vai até o próximo domingo (24). Dessa vez, a seleção estará completa, com homens e mulheres juntos pela primeira vez em 2019.

Enquanto a seleção feminina estreou no Circuito no Grand Slam de Paris há duas semanas e lutou o Aberto de Oberwart em seguida, a seleção masculina realizou uma série de treinamentos na Áustria, no Brasil e no Japão no início do ano. A estreia dos homens, portanto, será na competição alemã, uma das mais fortes do Circuito Mundial da FIJ, com a presença de 683 atletas de 97 países.

Em 2018, o Brasil subiu ao pódio duas vezes em Dusseldorf, com Mayra Aguiar (78kg), que foi vice-campeã, e Eric Takabatake (60kg), que conquistou a medalha de bronze. Ambos estarão de volta à ISS Dome neste final de semana.

O peso ligeiro, que participou dos treinos no Japão e, na semana passada, veio ao Rio para três dias de treinos técnicos específicos com os treinadores Yuko Fujii e Luiz Shinohara para os adversários que encontrará em Dusseldorf, chega confiante para repetir o desempenho de 2018.

“Acredito que, como no ano passado, vai estar muito forte. Dusseldorf e Paris sempre são muito fortes. Mas, estou com a cabeça boa, estou bem treinado. Vim dessa preparação no Japão, os treinos no Brasil também foram ótimos. Estou tranquilo e confiante para voltar com essa medalha de novo”, disse Takabatake, atual número 9 do mundo no 60kg e cabeça-de-chave número 4 em Dusseldorf.

Para a técnica Yuko Fujii, a equipe masculina respondeu bem na fase de preparação e chegará para essa estreia com maior competitividade.

“Os atletas treinaram bem em Mittersill, no Japão e no mini-treinamento específico que fizemos no Rio no CT do Time Brasil. Eles estão mais confiantes em soltar seus golpes e mais animados para fazer um ano melhor”, projetou a treinadora, que assumiu a equipe principal em maio de 2018. “Vejo bastante evolução na competitividade dos nossos atletas. A gente buscou ter competitividade no treino e todos responderam bem, estão mais competitivos agora.”

Além de Takabatake (60kg), outros sete brasileiros serão cabeças-de-chave no torneio: Daniel Cargnin (66kg), Rafael Silva “Baby” (+100kg), Rafaela Silva (57kg), Maria Portela (70kg), Mayra Aguiar (78kg), Maria Suelen Altheman (+78kg) e Beatriz Souza (+78kg).

Programação

A programação oficial começou com o sorteio das chaves na manhã da última quinta-feira (21). A competição começa na sexta-feira (22) para os judocas das categorias 48kg, 52kg, 57kg, 60kg e 66kg. No sábado (23), será a vez dos atletas dos pesos 63kg, 70kg, 73kg e 81kg. Fecham a disputa no domingo (24) os pesos 78kg, +78kg, 90kg, 100kg e +100kg.

Ao vivo

www.live.ijf.org / ippon.tv

Horários

4h30 – Preliminares
13h – Bloco Final
Horários de Brasília

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade