Amigo de McGregor, Dillon leva tapa no rosto de famoso empresário e é expulso do UFC 268; confira

Publicidade

Parceiro de treino e amigo de Conor McGregor, Dillon Danis causou mais uma polêmica no último fim de semana. Presente ao Madison Square Garden, em Nova York (EUA), para acompanhar o UFC 268, o lutador do Bellator acabou se envolvendo em uma confusão com o empresário Ali Abdelaziz, que estava acompanhando seus atletas, Kamaru Usman (campeão dos meio-médios), Frankie Edgar e Justin Gaethje, que fizeram parte do estrelado card.

Segundo informações publicadas inicialmente pelo MMA Junkie e confirmadas pelo MMA Fighting, com base no relato de testemunhas, Abdelaziz deu um tapa no rosto de Danis. Rapidamente, os seguranças do local agiram rápido, separaram os dois expulsaram Dillon da arena. No Twitter, o ex-lutador Michael Bisping, que presenciou a confusão nos bastidores do UFC, relatou no Twitter: “Tão patético. Para sua informação, (Danis) levou um tapa na cara como um b*tch nos bastidores e depois foi expulso e banido de todos os eventos do UFC”, escreveu.

Vale lembrar que os dois já trocaram provocação diversas vezes nas redes sociais. Abdelaziz é agente também de Khabib Nurmagomedov, que encerrou a carreira e teve uma das maiores rivalidades com Conor McGregor. O UFC não quis se manifestar sobre essa confusão.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade