Influenciador digital Guilherme Vasconcelos explica como a rede social pode ser importante na carreira de um lutador

Publicidade

A rotina de um lutador não termina mais quando ele sai da academia. Com a importância que as redes sociais ganharam no meio do esporte nos últimos anos, cada vez mais os atletas precisam estar atentos para criarem conteúdos que os tornem populares, facilitando, assim, as chances de ganharem contratos de patrocínios e eventos.

Autoridade quando o assunto é marketing digital, o influenciador tocantinense Guilherme Vasconcelos, que possui cerca de 200 mil seguidores no Instagram, apontou a importância dos atletas investirem em suas mídias digitais. Segundo ele, quanto mais engajado é um perfil, maior o poder de barganha em uma negociação.

“Uma rede social engajada dá mais credibilidade à empresa ou pessoa. Quando se fala em números, tanto de seguidores ou curtidas, elementos que colocam a publicação em evidência nas redes sociais, alcançando mais pessoas, as chances de conseguir uma resposta positiva na negociação de um contrato aumentam substancialmente.”, afirma.

Mas como se tornar fortes nas redes sociais? Segundo o especialista, é preciso utilizar todas as ferramentas que os canais dispõem. No caso do Instagram, feed, story e reels. É fundamental se manter ativo na internet e antenado com o que acontece. Entender quem é o seu público alvo é imprescindível.

“É preciso publicar stories diários, interagir com seus seguidores e publicar o que realmente você faz da vida, para que os outros possam seguir ou curtir seu conteúdo. Cada dia mais estamos em um mundo onde todo mundo está mudando para o plano fitness, então os atletas têm essa vantagem em produzir conteúdos de suas rotinas.”

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade