Jonas Andrade e Wallace Costa anotam ouros para o Brasil no Abu Dhabi Grand Slam de Moscou; russos dominam na faixa-preta

Publicidade

O Jiu-Jitsu está de volta à Rússia. O Abu Dhabi Grand Slam desembarcou em Moscou no último domingo (14). Atletas de todo o mundo competiram em busca da medalha de ouro. Vale citar também que todos que estiveram no ADGS Moscou seguiram as diretrizes de saúde e segurança estabelecidas pela AJP durante a pandemia de Covid-19, que incluía a apresentação de testes negativos para o novo coronavírus. O uso de máscaras também foi obrigatório durante o evento, e o acesso ao local restrito apenas a atletas e técnicos.

Veja como foi o adulto abaixo:

> Masculino faixa-preta

Peso-pluma (55kg) – o brasileiro Jonas Andrade voou de Barcelona, na Espanha, para lutar duas vezes contra o finlandês Marko Oikarainen e garantir a medalha de ouro. Na primeira partida, Jonas finalizou Marko em um triângulo. Na segunda, Jonas conseguiu um armlock faltando apenas 10 segundos para o fim.

Peso-leve (62kg) – o russo Abubakar Khadaev venceu pela primeira vez seu compatriota Dzhimher Razmadze por 4 a 2. Na final, Khadaev finalizou Shamil Gaziev com um justo estrangulamento pelas costas.

Peso-meio-médio (77kg) – o russo Vladislav Losev colocou a torcida em pé com duas vitórias para levar a medalha de ouro. Primeiro, ele derrotou o Riad Dzhalmalbeili por 1 a 0 para chegar à final. Na disputa pelo ouro, Losev teve atuação imponente ao vencer o brasileiro José Henrique Tatagiba por 8 a 4 na pontuação.

Peso-médio (85kg) – mais uma medalha de ouro para a Rússia. Abdulbari Guseinov começou sua campanha com uma vitória por 2 a 0 sobre o Arsen Shapiev. Na luta pela cobiçado título, Guseinov colocou sua guarda para funcionar, venceu Magomed Abdulkadirov por 2 a 1 e levou o ouro para casa.

Peso-meio-pesado (94kg) – provavelmente o competidor mais conhecido da edição em Moscou, o polonês Adam Wardzisnki veio, lutou e conquistou a medalha de ouro em duas lutas. Ele finalizou Artem Ushakov com um estrangulamento da montada para chegar à final. O topo do pódio foi garantido com um estrangulamento da posição omoplata sobre Viacheslav Ilin.

Peso-super-pesado (120kg) – o brasileiro Wallace Costa e o russo Dimitrii Volstrikov lutaram duas vezes para decidir quem levaria a medalha de ouro para casa. E Costa venceu por 7 a 3 para seguir em frente na contagem. Na final, Wallace fez seu jogo funcionar novamente e pegou Volstrikov com um armlock.

> Feminino faixas-marrom/preta

Peso-pena (55kg) – muito talento em exibição também no feminino. Liisi Vaht, da Estônia, lutou duas vezes para ser coroada a campeã. Ela pegou a russa Ekaterina Kustikova com um armlock nas semifinais. A adversário de Vaht na final veio do Cazaquistão. Moldir Mekenbayeva derrotou a russa Olga Vladimorova na decisão do árbitro após um empate em 0 a 0. A luta pela medalha de ouro viu Liisi usar sua magia e acertar Moldir com um estrangulamento pelas costas. Título para a Estônia.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img