Preconceito, morte do irmão e dificuldades ao longo da carreira: lutador do SFT, ‘Melk Cauthy’ passa trajetória a limpo; assista

Publicidade

Melquizael Costa da Conceição tem apenas 23 anos, mas história de sobra para contar. Nascido em Porto de Moz, no Pará, “Melk Cauthy”, como é conhecido no mundo da luta, possui um cartel de 15 vitórias e quatro derrotas no MMA profissional. Portador de vitiligo, doença que causa perda da cor da pele devido à morte das células que produzem a melanina, o lutador contou que sofreu muito preconceito ao longo de sua vida, e que esse foi um dos motivos que o fez começar a praticar artes marciais, já que “guardava” muita raiva do tratamento que recebia das pessoas.

Profissional no MMA desde 2014, o paraense ainda falou sobre seu início nas artes marciais, a origem do seu apelido “Melk Cauthy”, a morte do irmão em 2013, que apesar de toda a dor da perda, lhe traz uma grande motivação no dia a dia, tendo em vista que seu irmão sempre foi seu maior incentivador. Atualmente, Melquizael integra o plantel de lutadores do SFT – um dos maiores eventos de MMA no Brasil -, e em fevereiro deste ano, no SFT 21, ele nocauteou Anderson Santos em pouco mais de dois minutos de combate.

Confira a entrevista completa com Melk Cauthy:

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade