UFC 266, em setembro, terá Volkanovski e Valentina em defesas de cinturão; retorno de Nick Diaz é confirmado

Marcado para acontecer no dia 25 de setembro, em Las Vegas (EUA), o UFC 266 promete grandes duelos. Isso porque foram confirmadas duas disputas de título para o evento em questão. Na última terça-feira (13), em entrevista à ESPN americana, o presidente do Ultimate, Dana White, revelou que a edição terá o campeão Alexander Volkanovski contra o desafiante Brian Ortega na luta principal. Além disso, a atual detentora do título peso-mosca, Valentina Shevchenko, vai medir forças com a experiente Lauren Murphy, de 37 anos.

Outro confronto anunciado para o UFC 266, e certamente muito aguardado pelos fãs de MMA, será entre Nick Diaz e Robbie Lawler, combinado para durar cinco rounds. Sem lutar desde 2015, quando enfrentou Anderson Silva, o americano retorna diante do ex-campeão meio-médio Lawler, que vem de quatro derrotas seguidas.

 

O duelo entre Volkanovski e Ortega deveria ter acontecido, inicialmente, em março. No entanto, Alexander precisou ser retirado do card após contrair Covid-19. Dessa forma, os dois lutadores foram escalados para serem os treinadores da 29ª temporada do reality show “The Ultimate Fighter”. Detentor do cinturão peso-pena, o australiano não perde uma luta desde 2013 e está invicto em sua passagem pelo Ultimate, com nove vitórias contabilizadas, as duas últimas sobre o ex-campeão Max Holloway, ambas em ótimos combates.

Fazendo parte do plantel do UFC desde 2014, Brian Ortega tem apenas uma derrota em nove lutas pela organização, justamente para Max Holloway, em 2018. O americano fez sua última apresentação em outubro do ano passado, quando superou Chan Sung Jung, o “Zumbi Coreano”, na decisão unânime dos jurados.

Considerada uma das lutadoras mais dominantes da atualidade, Valentina Shevchenko vai para mais uma defesa de cinturão na categoria peso-mosca. A lutadora do Quirguistão chega embalada por uma sequência de sete triunfos seguidos, o mais recente deles em abril, quando nocauteou Jéssica Bate-Estaca no segundo round. Do outro lado, ocupando a terceira posição no ranking da divisão até 57kg, Lauren Murphy venceu as suas últimas cinco oponentes, e em junho derrotou Joanne Calderwood por decisão dividida.