Coluna da Arte Suave: a importância de respeitar e honrar a faixa que você representa no Jiu-Jitsu; leia e opine

Publicidade

* “Faixa só serve para amarrar o quimono”. Infelizmente, por vezes, vejo posts e até mesmo lutadores que falam isso. Eu não concordo. Não vejo assim. A função da faixa é amarrar o quimono, sim, mas da maneira que é dita, parece como se a pessoa não se importasse com sua própria graduação, eu não concordo e não acredito nisso. 

Eu vejo a faixa preta como um motivo de um orgulho na nossa graduação, e de honrar a graduação dada pelos professores. O Jiu-Jitsu é um grande caminho para desenvolvermos nossa autoestima, puxar nossos limites físicos e mentais. Sou grato ao Jiu-Jitsu por tudo que ele me trouxe na vida. E tenho muito orgulho da minha graduação. As graduações representam o tempo que treinamos e vivemos com o Jiu-Jitsu, todas as horas de treinos, o esforço físico, escolhas na vida, por tantas vezes deixarmos o lazer de lado para ir aos treinos, dores musculares e toda essa parte que só quem treina sabe das dificuldades.

Não acredito que exista algum lutador que treine e depois não deseje receber a faixa preta durante a sua vida como lutador. Fazendo uma analogia, é como se alguém entrasse na faculdade, e depois de estudar durante anos, dizer: “Eu não faço questão do diploma. Para mim, é indiferente!” 

Há um ano, aproximadamente, eu tinha um aluno que dizia isso. E, sinceramente, me incomodava. Então, chamei ele para uma conversa e ele me confirmou: ‘professor, não me importo com a graduação’. Eu respondi que respeitava sua opinião, então, que ele, para demonstrar isso, seria legal deixar de usar a faixa marrom na cintura e começar a usar a branca nos treinos. Afinal, ele era um que sempre dizia “faixa só serve para amarrar o quimono”. Então, que colocasse esse pensamento em prática. 

É claro que ele nunca fez isso. Temos que ter respeito por todos, em todas as faixas. O faixa-preta foi um faixa-branca que não desistiu. O respeito à nossa faixa é uma obrigação, ao meu ver, porque é uma extensão dos nossos professores. Faixa só serve para amarrar quimonos? Eu não acho e discordo. Poder encontrar um GM, um faixa vermelha e aprender com ele, pra mim, é muito importante. Por outro lado, não importa a cor da faixa no momento da luta. Temos de lutar com todos, com respeito, atenção e foco. 

Você pode ser um faixa-preta e, se não lutar atento, pode tomar um carro de um marrom, e por aí adiante. Mas entraríamos em um outro assunto, para uma outra conversa. Vamos sempre respeitar as faixas de cada um. Cada um tem a sua graduação. Não creio ser um bom conceito essa afirmativa. Quando se aproxima uma entrega de faixas, sempre não é um momento marcante? Quando você ainda não é um faixa-preta, poder lutar com um faixa preta não é bom? Você ter uma aula com um faixa vermelha não é uma honra? Para mim é, e sempre será. Nunca vi a faixa somente com a função de amarrar um quimono. 

Para mais informações, veja https://www.instagram.com/luizdiasbjj/ ou entre em contato pelo e-mail [email protected] Também conheça o http://www.geracaoartesuave.com.br/. Oss!

* Por Luiz Dias

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade