Veja a fortuna que Anderson Silva recebeu para substituir Jon Jones 48h antes do UFC 200

Para substituir Jon Jones de última hora e enfrentar Daniel Cormier no UFC 200, Anderson Silva recebeu um dos maiores pagamentos da sua carreira; veja

Veja a fortuna que Anderson Silva recebeu para substituir Jon Jones 48h antes do UFC 200

Apesar da derrota, Anderson Silva foi bem recompensado para enfrentar Daniel Cormier no histórico UFC 200, realizado em 2016 (Foto: Divulgação/UFC)

Ex-campeão peso-médio do UFC e lenda do MMA, Anderson Silva recebeu de última hora, mais precisamente com apenas 48h de antecedência, a missão de substituir Jon Jones e enfrentar Daniel Cormier no histórico card do UFC 200, realizado no ano de 2016. Para aceitar um duelo de tamanha importância depois de uma trajetória marcante na maior organização de MMA do mundo, imagina-se que o brasileiro tenha sido muito bem recompensado para entrar no cage. E foi justamente o que aconteceu.

O site americano ‘Bloody Elbow” vem divulgando documentos de um processo que o UFC enfrenta na Justiça dos Estados Unidos, referente aos valores que a organização recebeu e pagou aos lutadores ao longo dos últimos anos. Entre os dados, estão os maiores pagamentos que o Ultimate efetuou entre os anos de 2011 e 2016.

Dessa forma, para entrar no octógono e enfrentar Daniel Cormier no UFC 200, apesar da derrota na decisão unânime dos jurados, Anderson Silva embolsou mais de US$ 4,2 milhões (mais de R$ 20 milhões na cotação atual). Vale ressaltar que os valores citados representam a bolsa, patrocínios, participação na venda de pay-per-views, entre outros itens.

Ex-campeão peso-médio do UFC, Anderson Silva tem 48 anos e, em seu cartel profissional de MMA, fez 46 lutas, com 34 vitórias, 11 derrotas e uma luta sem resultado. O brasileiro sustentou o cinturão por mais de sete anos, vencendo 11 vezes em lutas válidas pelo cinturão e, até hoje, é o maior recordista de vitórias seguidas no UFC, com 16. O “Spider” deixou o MMA em 2020, após ser nocauteado por Uriah Hall. Desde então, Anderson fez três lutas no Boxe, onde venceu Julio César Chávez Jr. e Tito Ortiz, e foi superado por Jake Paul no ano passado.

Para mais notícias sobre o UFC e Anderson Silva, clique aqui